Title: Ensaio comparativo de produção de duas cultivares de melão (Cucumis melo L.) efectuado sob abrigo na região de Castelo Branco
Authors: Rodrigues, Maria João Ramos
Keywords: Cucumis melo
Produção
Issue Date: 1987
Publisher: IPCB. ESA
Abstract: A agricultura surgiu na Pré-História, quando o Homem deixou de ser nómada e passou a ser sedentário. Foi no período Neolítico, há cerca de 7.000 a 10.000 anos que se produziram os primeiros alimentos. Diz-nos a História que no Egipto já se faziam culturas de plantas hortícolas, tais como: chicória, alho, melão, ect. Na Grécia, Theophrastus escreveu vários tratados entre os quais um de Horticultura. Os Romanos possuíam uma tecnologia hortícola avançada, usando já muitos frutos e vegetais, praticando rotações e até armazenamento pelo frio. Há referências de usarem mesmo um protótipo de estufa feita de mica (JANICK, 1979). Até aos nossos dias os processos hortícolas evoluíram bastante, quer no séc. XVIII com o aparecimento da ciência, quando foi possível haver um renascer dos estudos botânicos, quer no séc. XX com o desenvolvimento da tecnologia, sendo então possível aumentar a produção e a qualidade. A Horticultura tem por objectivo a produção de um conjunto de produtos, vulgarmente conhecidos por produtos hortícolas (hortaliças), quer para consumo em natureza (frescos) ou destinados à indústria, que os apresenta enlatados, desidratados, congelados ou liofilizados (VELOSO et al, s/data). Com a evolução crescente da sociedade no sentido de uma alimentação mais racional e de uma melhor qualidade de vida, este sector produtivo torna-se alvo de um grande número de exigências, pois o consumidor, a nível mundial, está a exigir cada vez mais legumes e saladas frescas, mesmo fora da época tradicional de produção. Ultimamente tem-se intensificado a horticultura protegida que vai da simples paillage aos túneis baixos e aos abrigos altos, apresentando modalidades intermédias (VELOSO et al, s/data). As técnicas que mais evoluíram foram as de forçagem e semi-forçagem, como aproveitamento das condições naturais, recorrendo a meios artificiais que proporcionam o ambiente julgado indispensável para a produção desejada (SEMEDO, 1969).
Description: Relatório do Trabalho de Fim de Curso de Produção Agrícola apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-6439TFCPAG ; C30-6440TFCPAG.
URI: https://minerva.ipcb.pt/handle/123456789/2849
Document Type: Thesis
Appears in Collections:ESACB - Produção Agrícola

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
6439.pdf2,46 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.